É possível fazer um implante dentário com pouco osso?

Diversos pacientes que sofreram perda dos dentes há bastante tempo podem ter se deparado com uma dificuldade comum ao buscar um implante dentário: não possuem tecido ósseo suficiente para sustentar o implante dentário.

De fato, os ossos da boca são fundamentais para realizar esse procedimento, pois o implante consiste em um pino de titânio poroso que com o tempo é absorvido pelo osso e assim permanece fixado.

Dependendo do quão desgastada a estrutura está, uma alternativa para esses casos até então era realizar um enxerto ósseo, mas, como é de se imaginar, o tratamento dessa forma fica mais demorado, biologicamente invasivo, complexo e caro. Para a sorte dos pacientes com esse quadro, em 2006 foi desenvolvido na França um processo que obtém o PRF – material orgânico com alta concentração de fibrina sanguínea. Essa novidade tem um elevado poder de cicatrização e regeneração de tecidos do corpo humano.

Como funciona o implante com PRF?
O pino de titânio é colocado da mesma forma como nos implantes tradicionais. A diferença é que, quando não há osso suficiente, o PRF é inserido para suprir essa falta. Com o tempo, ele regenera o tecido ósseo da região que vai dar a sustentação necessária ao implante.

Parece mágica, mas é ciência.

O PRF traz consigo muitos outros benefícios além dessa possibilidade revolucionária. O material é obtido rapidamente através do sangue do próprio paciente, e com isso a possibilidade de rejeição é praticamente nula.

Outro ponto positivo é no tempo de tratamento que fica menor, o pós operatório mais simples, diminuição da dor após procedimento e a dispensa de materiais artificiais, como membranas e ossos heterógenos.

Respondendo à pergunta do título, podemos afirmar que sim, é possível fazer um implante dentário quando há pouco osso, graças aos avanços da implantodontia.

Por fim, vale lembrar que o CEOPAR realiza implantes dentários com PRF em Curitiba.
Agende a sua consulta.

Enxerto Ósseo Dentário

Enxerto Ósseo Dentário O desgaste dos ossos da boca é bastante comum em pessoas que perderam os dentes há algum tempo. Essa condição causa [...]

2020-02-16T21:02:57-03:00